Olá amigos e competidores do e-Rally Gaúcho. Sejam bem-vindos a mais um resumo de prova. Dessa vez, o desafio foi gelado e na neve durante o nosso Rally de Inverno 2020.

Composto por 14 trechos cronometrados totalizando 69,8 km de provas, o Rally de Inverno trouxe uma nova experiência aos competidores do Rally Gaucho Virtual: andar na neve. Tal fato exige maior habilidade e experiência dos pilotos, uma vez que os pneus são diferentes e a aderência do piso muda significativamente em relação as demais provas do campeonato.

A disputa começou no primeiro dia, sendo este composto por duas passagens pela SS Karlstad, super especial originalmente do Rally da Suécia, sendo ela um pequeno trecho, mas altamente técnico e que exige a atenção de competidores, pois ali, a margem de erro é muito pequena. E assim a ação começou. A primeira vitória em um trecho cronometrado na classificação geral dessa prova seria do atual Campeão Gaúcho RC2, Bruno Krüger, piloto da equipe Tauras do Barranco com o seu VW Polo R5, seguido pelo jovem Bernardo Radin de Skoda Fabia R5 da Rally Timão e por Diogo Souto de VW Polo GTI R5 da SPUKB e-Sports.

WhatsApp Image 2020-07-14 at 11.38.19.jpeg

Bruno Krüger - Tauras do Barranco - fazendo bonito na primeira especial da prova.

No segundo dia de provas, tivemos 5 especiais, tendo destaque para a SS3/6 Torsby (Shakedown) de 4,3 km,trecho originalmente pertencente ao Rally da Suécia. No final do segundo dia, a liderança geral e na categoria RC2 seguia nas mãos de Bruno Krüger da Tauras do Barranco sucedido por Bernardo Radin da Rally Timão e Diogo Souto da SPUKB e-Sports. Na categoria RC2N, o piloto Andriél Motta fazia uma prova brilhante e liderava a categoria por mais de 2 minutos de vantagem com o seu Mitsubishi Lancer Evo X R4 da Rally Timão sobre o estreante na categoria, Rafael Karpinski, também de Lancer Evo X R4, seguido por Felipe Costa 6,25 segundos atrás.

as.png

Andriél Motta - Rally Timão - em uma prova brilhante pela RC2N

Na categoria RC4, a categoria de entrada e que conta com carros com tração 4x2, a liderança até então era de Vitor Savi com seu Ford Fiesta R2 da equipe VHT/Nextep, seguido pelo argentino convidado Enzo Sagreraa e por Tiago Piontkewicz, também da VHT/Nextep.

Fiesta4 (1).png

Vitor Savi - VHT/Nextep - andando bem pela SS Blanare

Chegamos ao último dia de provas. Daqui em diante, teríamos mais seis trechos cronometrados, sendo o último deles o Power Stage, que vale pontos extras para o campeonato de pilotos, disputado na SS14 Kuadonvaara (5,9 km). No começo do terceiro dia, na RC2, o mais rápido na belíssima especial Mitterbach, trecho originalmente pertencente ao Jannerrallye que é realizado em Janeiro (e que recomendo que procurem mais sobre ele, pois é uma excelente prova!) na Áustria, seria do pernambucano Diogo Souto. Na RC2N, adivinha quem levou o primeiro tempo logo na primeira prova do terceiro dia? Sim, ele novamente: Andriél Motta. E por último, mas nem menos legal, na RC4 Rômulo Serafim com o seu Peugeot 208 R2 ficou com o melhor tempo na primeira especial do último dia. E a disputa não havia terminado ainda.

WhatsApp Image 2020-07-16 at 19.03.23.jpeg

Romulo Serafim - Mula Negra - ganhando a primeira especial do último dia pela RC4

No final da prova, após muita disputa e de 14 especiais completadas, alguns acidentes e brigas intensas entre todos os competidores, damos destaque para a vitória de Bernardo Radin da Rally Timão na classificação geral da prova, sendo o top 5 dela:

RC2

1º Bernardo Radin – Rally Timão – Skoda Fabia R5

2º Bruno Krüger – Tauras do Barrranco - VW Polo R5 (+12s)

3º Diogo Souto – SPUKB e-Sports – VW Polo GTI R5 (+1 min 16s)

4º Vando Rigo - Tauras do Barrranco – Skoda Fabia R5 (+2 min 12s)

5º João Remor – Black Mule - VW Polo GTI R5 (+2 min 49s)

RC2N

1º Andriél Motta – Rally Timão DM – Mitsubishi Lancer Evo X R4

2º Felipe Costa – Rally Timão - Mitsubishi Lancer Evo X R4 ( 4 min 28 s)

3º Patrick Wozcniacki – Black Mule – Subaru Impreza N15 R4 ( 9 min 22 s)

4º Rafael Karpinski - Mitsubishi Lancer Evo X R4 (10 min 35 s)

5º Jacson Martini - Mitsubishi Lancer Evo X R4 (18 min 05 s)

RC4

1º Tiago Piontkewicz – VHT/Nextep - Citroen C2 R2

2º Gabriel Morales – Rally Timão - Ford Fiesta R2 (+ 50 s)

3º Vitor Savi – VHT/Nextep – Peugeot 208 R2 (+ 1 min)

4º Romulo Serafim – Peugeot 208 R2 (1 min 56 s)

5º Henrique Savi – Peugeot 208 R2 ( 2 min 22 s )

Para conferir a classificação de pilotos e equipes, clique aqui.